Planeta Foz - História
Itaipu
Itaipu

Uma divisão simplificada da história de Foz do Iguaçu tem dois períodos: antes e depois de Itaipu. Terminou a era da evolução lenta e penosa, com surtos de progresso esparsos, deu-se ingresso numa era de abrupta e profunda transformação.

Capitania dos Portos do Rio Paraná
Capitania dos Portos do Rio Paraná

A Marinha do Brasil se fez presente no Oeste do Paraná instalando uma (assim chamada) Agência em Guaíra, em 1930, ponto de intenso tráfego fluvial pelo rio Paraná, acima dos saltos de Sete Quedas. E três anos depois (1933) foi instalada em Foz do Iguaçu a Delegacia da Capitania dos Portos do Estado do Paraná, que havia sido criada ainda em 1924 por lei federal.

Batalhão do Exército

Foi assim, manu militari, pela mão militar, que no final do século XIX o Brasil iniciou a ocupação efetiva e a colonização do Oeste do Paraná, a partir de Foz do Iguaçu. Essa marca militar acompanharia os passos da região em toda a seqüência de sua história.

Colônia Militar
Colônia Militar

A idéia de criar a Colônia Militar na foz do rio Iguaçu mofava no Ministério da Guerra (Exército). Mas em 1888, o ministro da Guerra, ao invés da simples Colônia, optou por algo mais ambicioso. Criou a Comissão Estratégica do Paraná com o objetivo de desbravar e ocupar o Oeste do Estado, particularmente a fronteira, mediante a abertura de estradas, instalações de linha telegráfica e da Colônia Militar. A Comissão não foi muito longe com seus projetos, mas fundou a Colônia Militar na fronteira - marco do início da ocupação efetiva do lugar por brasileiros e do que viria a ser o município de Foz do Iguaçu.

Origens
Origens

Vários grupos humanos sucederam-se ao longo dos séculos. Os últimos, que precederam os europeus (espanhóis e portugueses), foram os índios. Na simplificação que divide a História da América em antes e depois do seu "descobrimento" pela civilização "branca", o depois começa para Foz do Iguaçu em 1542, ano da "descoberta" das cataratas do Iguaçu pelo espanhol Álvar Nuñez Cabeza de Vaca".

Vôo a um passado não muito distante

Há 23 anos era realizado o primeiro seminário de turismo de Foz; a Secretaria de Turismo e o Parque do Monjolo foram algumas das propostas levantadas na época

Underground: rostos na multidão
Underground: rostos na multidão

A história da contra-cultura em Foz não é restrita as bandas, zines e as gravações, ela é formada principalmente por personagens que 'apavoram' na frente dos palcos da vida

Uma avenida histórica
Uma avenida histórica

A Avenida Brasil, no centro da cidade, sempre foi um local de muitos acontecimentos; até mesmo o então Presidente da República em exercício, Café Filho, fez parte de sua história

Percalços do Nosso Tempo

Corria o ano da desgraça de 81, ou seja, o décimo sétimo do golpe de 64. Pediram para eu relatar algo desses tempos. Mas para que revolver o passado? Porque do passado extraímos as lições para melhor enfrentar os problemas e preparar o futuro.

Histórias de Foz na Biblioteca Pública do Paraná

Querem saber da história de Foz do Iguaçu? Acessem o site da Biblioteca Pública do Paraná - procurem o sistema de busca e se terá um apanhado de obras raras que ainda não estão ao nosso alcance.