1. Home
  2. Posts
  3. Atrativos

Museu Che Guevara

Museu Che Guevara

Espaço mantém viva a história de um dos maiores mitos latinoamericanos

Um dos maiores mitos do século 20, Ernesto Guevara de la Serna , nasceu na região central da Argentina, mas parte da sua trajetória está registrada na Selva Missioneira, em Caraguatay, município distante 135 quilômetros de Puerto Iguazú, na fronteira com Foz do Iguaçu. Foi lá que Che Guevara viveu parte da sua infância. Por isso, o local virou ponto de peregrinação. O Parque Ernesto Che Guevara, que resgata a história do revolucionário, guerrilheiro, herói e líder da revolução cubana, atrai milhares de turistas anualmente.

Registros históricos dão conta que a família de Che, considerada aristocrática, chegou a Caraguatay quando Célia de la Serna, a mãe, ainda estava com 30 dias de gravidez. No oitavo mês, a família viajou para Buenos Aires. Mas no meio do caminho, em Rosário, província de Santa Fé, Che viria ao mundo. Era o dia 14 de junho de 1928. Após dois meses do nascimento do menino, a família retornou a Caraguatay, onde permaneceu por quase três anos.

Em Caraguatay, a pequena comunidade tem orgulho de ostentar a casa onde o menino, que um dia iria se tornar o principal ícone da esquerda latinoamericana, passou mais de dois anos de sua infância. O local resgata a época na qual ele começou a despertar seus sentidos e a definir importantes traços de sua personalidade.

O Parque Provincial Ernesto Che Guevara tem aproximadamente 18 hectares. O passeio é feito por trilhas especiais, de baixa dificuldade, que levam o turista a belíssimas áreas de interpretação como "A Casa do Che", "Arroio Salamanca", "A Piscina", "Os Gigantes", entre outros pontos capazes de sensibilizar os visitantes.

A distância a ser percorrida não supera 500 metros. Em determinado trecho, em "O solar do Che", é possível conhecer lembranças históricas, culturais, sociais e ecológicas da época, e, ao mesmo tempo apreciar uma linda paisagem formada pelo rio Paraná e pela Ilha de Caraguatay. Os caminhos de terra vermelha foram as primeiras trilhas do pequeno Ernesto.

Primeiros passos

Che foi o primeiro dos cincos filhos de Ernesto Guevara Lynch e Célia de la Serna, um casal típico de família de classe média.

Em seu livro "Meu Filho, o Che", publicado em 1981, Ernesto Guevara Lynch conta porque se instalou em Caraguatay. "Era um lugar emocionante, cheio de animais ferozes, trabalho perigoso, roubos e assassinatos, ventos com chuvas intermináveis e doenças tropicais". "Lá, na misteriosa Missiones, tudo atrai e emociona. Atrai como tudo o que é perigo e emociona como toda paixão".

Mais adiante descreve. "Lembro um fato que nos fazia rir muito. Nós gostávamos de mate e a cozinha ficava a uns vinte metros. Quando Ernestito começou a caminhar, ia e vinha levando e trazendo o mate. Entre a cozinha e a casa tinha uma pequena valeta onde se escondia um cano, ali sempre o menino caía com o mate entre suas mãozinhas e levantava-se bravo e chorando, mas insistia indignado com o mate até que um dia... aprendeu a pular a valeta".

Para os guias turísticos da casa, foi ali que o menino começou a superar obstáculos. A natureza e as adversidades da selva missioneira teriam, inclusive, influenciado a personalidade de Che. Isso é possível? Só há uma maneira de saber. Conhecer Caraguatay.

Serviço

Museo del Che
Caraguatay - Misiones -  Argentina
Telefone: +54 3751 42-1861
[email protected]
http://www.misiones.gov.ar/

Página no Facebook



© Portal H2FOZ - Todos os direitos reservados